Portugal, solidariedade, ajudar, imagens de portugal, turismo, monumentos de portugal, castelos de portugal, visitar portugal, natureza, noticias de Portugal   Portugal, solidariedade, ipss
concelho de lagoa | distrito de faro | sul | algarve | portugal
 
 
ALBUFEIRA
ALCOUTIM
ALJEZUR
CASTRO MARIM
FARO
LAGOA
LAGOS
LOULÉ
MONCHIQUE
OLHÃO
PORTIMÃO
SÃO BRÁS DE ALPORTEL
SILVES
TAVIRA
VILA DO BISPO
VILA REAL DE SANTO ANTÓNIO
Concelho de Lagoa
Praias

A faixa litoral do Concelho de Lagoa (com cerca de 17 Km aproximadamente) é das mais deslumbrantes da região, exibindo um encanto invulgar.

O trabalho desenvolvido pela Natureza revela-nos belezas únicas, desenhando e esculpindo todos os pormenores do rendilhado das furnas, onde por vezes só é possível aceder por barco. Neste magnífico trecho da costa estão as mais belas e acolhedoras praias do mundo, de areia fina e água cristalina.

A enorme beleza do litoral de Lagoa tem vindo a atrair um número cada vez maior de turistas fiéis, que todos os anos procuram as Praias da Senhora da Rocha, Marinha, Do carvalho, Vale Centeanes, Carvoeiro, entre outras. De areias magníficos envoltas por arribas altas e como que cinzeladas, são das mais pitorescas da região, mantendo-se praticamente inalteradas apesar do fluxo turístico que registam.

A Associação Ambientalista Quercus, atribuiu, no ano 2003, o galardão de Qualidade de Ouro a 4 praias do Concelho de Lagoa (Marinha, Benagil, Senhora da Rocha e Cova Redonda). Esta classificação permite aos utilizadores uma maior confiança na sua utilização, pois desde 1993, altura em que o Ministério do Ambiente iniciou a realização de análises frequentes, estas praias não apresentaram oscilações na qualidade da água.

 

PRAIA GRANDE
Praia de Extenso Areal

PRAIA DO PINTADINHO
Pequena praia águas calmas

PRAIA DOS CANEIROS
Situada entre arribas de grande beleza.
Em frente o colorido rochedo do leixão das gaivotas.


PRAIA DO MATO
Praia pequena e pouco frequentada devido ao seu difícil acesso.


PRAIA DE CARVOEIRO
Cartaz turístico do concelho e da região. Centro cosmopolita.
Encanto de uma praia de pescadores e de uma baia de águas calmas.
Aluguer de barcos para visita das furnas e das praias isoladas.


PRAIA VALE DE CENTEANES
Localizada entre rochedos e falésias de grande valor cénico.
Condições para a prática de surf.


PRAIA DE BENAGIL
Encantadora praia junto a uma pitoresca aldeia de pescadores.
Podem alugar-se barcos para alcançar praias isoladas.


PRAIA DO CARVALHO
Extensão de areia entre falésias ocres.
Equipamento turístico.


MARINHA, BARRANQUINHO, ALBANDEIRA, BARRANCO
Praias pouco frequentadas, tranquilas e de pequena dimensão.
Podem ser atingidas pelo litoral através das rochas e dos túneis naturais.


PRAIA NOVA E SENHORA DA ROCHA
Duas praias separadas pelo rochedo onde se ergue a Capela da Nossa Senhora da Rocha.
Condições para aluguer de barco para visita da costa.


PRAIA COVA REDONDA
Pequeno e encantador areal entre falésias.
Equipamento Turístico.



Património


Lagoa possui um património inestimável, intimamente ligado à própria história do Concelho, mescla de diferentes povos e culturas, testemunho de um passado que se enraíza no presente.


Terra de encantos, onde os testemunhos “vivos” nos transportam para uma agradável e enriquecedora viagem pelos tempos.

IGREJA MATRIZ DE LAGOA

A sua construção sofreu grandes danos aquando o terramoto de 1755 e profundas alterações no templo tomaram lugar a fim de o recuperar, restando apenas da construção inicial, o portal manuelino do séc. XVI, os altares barrocos e a Imagem da Nossa Senhora da Luz (Autoria de Machado e Castro).
No interior do templo destaca-se o magnífico retábulo da Capela Mor onde figuram as Imagens da Nossa Senhora da Luz e de S. Sebastião.
Dignos de merecida referencia são um conjunto de relicários e imagens do séc. XVIII (entre elas, a imagem do Menino deitado numa cama de madeira ao gosto rocaille).
Na sacristia poderão ser apreciados alguns utensílios religiosos utilizados no culto religioso (naveta de prata do séc. XVIII) e um magnífico arcaz em madeira do Brasil.

CONVENTO S. JOSÉ - LAGOA
Orientado por uma Ordem Religiosa de Freiras Mendicantes, o Convento de S. José destinava-se ao recolhimento (das religiosas e ao acolhimento) de crianças abandonadas. Em 1899 passou a funcionar como colégio de meninas, sob a orientação de um grupo de religiosas dominicanas, fechando, finalmente, as suas portas em 1910. Em finais da década de 80 a autarquia procedeu à elaboração de um projecto de intervenção global visando a recuperação e adaptação do edifício para fins culturais. Desde 1993, passou a albergar um dos pólos da actividade cultural da cidade.
São pontos de interesse, a par das exposições patentes ao público, a Capela de S. José, a roda dos expostos, o claustro, que com regularidade tem sido palco de inúmeros espectáculos, um menir (artefacto datado de 5000 a 4000 a.c. oriundo de Porches, encontra-se no pátio do jardim da entrada principal), e a magnífica Torre Mirante Quadrangular.

IGREJA MATRIZ DE ESTOMBAR – ESTOMBAR
O único edifício do concelho de Lagoa classificado como Monumento Nacional, em 1984, é a deslumbrante Igreja Matriz de Estombar. Construída em meados do século XVI, no topo da colina por onde se espraia a vila, é dos exemplares mais representativos da arquitectura manuelina que se pode encontrar no barlavento algarvio.
Erguida sobre uma antiga Ermida dedicada a Santa Ana, apresenta confluência de diferentes estilos arquitectónicos, em virtude das profundas remodelações a que foi sujeita após o terramoto de 1755.
Na fachada, ladeada por duas torres simétricas, sobressai o riquíssimo pórtico manuelino, decorado com motivos vegetalistas e encimado por uma vieira, símbolo de São Tiago. São igualmente de destacar, também do estilo arquitectónico manuelino, os dois portais laterais. No interior, junto ao pórtico de entrada, evidenciam-se duas colunas manuelinas profusamente esculpidas com figuras de todas as classes sociais e um desfile de músicos. A Capela-mor guarda um retábulo de talha dourada onde se identificam as figuras de São Tiago e de São José. Destacam-se ainda as capelas de cabeceira, que apresentam uma primorosa cenografia barroca em talha e azulejaria.

IGREJA MATRIZ DE PORCHES - PORCHES
Erguida no séc. XVI, ficou praticamente arruinada, com o terramoto de 1755, conservando dos seus traços primitivos, a capela-mor, alvo de remodelações em 1882.
Fachada com portal ao gosto neoclássico, sobre a qual se abre um janelão, encimado pela coroa real. No interior, merece referência a Capela-mor, com a abóbada de nervuras revestida a magníficos azulejos do séc. XVII e o retábulo do altar mor em talha dourada onde figuram imagens do séc. XVIII.

CAPELA DA SRA. DA ROCHA– PORCHES
No magnífico promontório da Senhora da Rocha, situa-se a Capela da Senhora da Rocha. Capela muito antiga, apresentando exteriormente três arcadas suportadas por colunas de inspiração paleo cristã com capiteis estilo visigótico (séc. VI /VIII).
A singela Capela apresenta uma estrutura arquitectónica muito interessante (planta hexagonal rematada por uma cúpula com a forma de pirâmide octogonal).
No interior, o altar mor, o retábulo e a valiosa escultura de madeira da Nossa Senhora e o menino (séc. XVI) são o testemunho do admirável património que nos encanta pela simbologia e simplicidade. Segundo fontes históricas, a Capela encontrava-se envolvida por uma antiga fortaleza (séc. XV) que protegia as populações e a costa dos frequentes ataques dos corsários desaparecendo aquando do terramoto de 1755.
Em 1963, este monumento da freguesia de Porches foi classificado como Imóvel de Interesse Público, com a designação “Forte e Capela de Nossa Senhora da Rocha”.

FORTE E CAPELA DE N. SRA. ENCARNAÇÃO – CARVOEIRO
Funções religiosas e militares partilhavam este espaço. Já existia a igreja, quando, em 1675, se construiu aqui o dispositivo militar defensivo, em forma de polígono irregular, possivelmente, no lugar onde teria existido uma torre de vigia.
Foram colocadas peças de artilharia para repelir piratas que atacavam a povoação e o porto de pesca, localizados a noroeste.
No século XIX, quando desapareceram os ataques da pirataria, a fortaleza foi desactivada, tendo sido aqui instalado um posto da Guarda Fiscal. Da construção do séc. XVII, resta parte do muro a nordeste, com o vão do portal de entrada e respectiva abóbada.
Com a intervenção de 2006, consolidaram-se os muros existentes e alteou-se a torre do ângulo sudeste, a uma altura semelhante à da estrutura primitiva.

FORTE DE S. JOÃO DO ARADE – FERRAGUDO
Aproveite, para mais uma vez, saciar os olhos com os encantos da zona costeira e contemple o Forte de S. João do Arade.
Construído no séc. XVII, constituía a par da Fortaleza de Santa Catarina a principal defesa do estuário do Rio Arade. Encontra-se bem destacados os diferentes planos e as duas ordens de canhoeira, uma para fogo alto outra para fogo rasante. As variadas guaritas, acentuam-lhe o carácter de dispositivo militar.
Preterido como bastião de defesa acabou por sofrer obras de adaptação a residência, por iniciativa do poeta Coelho Carvalho.
Em 1974, foi classificado como Imóvel de Interesse Público.

IGREJA DE N. SRA DA CONCEIÇÃO - FERRAGUDO
A primitiva construção do séc. XVI ficou profundamente danificada pelo terramoto de 1755, tendo posteriormente sido reconstruída, sem que fosse mantida a traça original. No seu interior destaca-se um conjunto de imagens do séc. XVII e séc. XVIII e uma bela representação de dupla face do séc. XV representando a Nossa Senhora e o Senhor Crucificado.
Não deixe de apreciar também a magnifica colecção de ex-votos de marinheiros e pescadores.


 

 

Sugira um video - Obrigado.
Seu nome:
seu e-mail
URL/video
 

 

  Televisão, Portuguesa, tv, web TV, regionais, regional, zona centro, norte, sul, tv regional, Noticias, televisão de internet, tv local, television, tv na web, webtv, tv, internet tv, tvs, televisões, vídeo, web tv, Filmes TV, Televisão de Internet, Televisões Web, Televisões de Internet, Portugal, Web TV, Online, Regiões, Televisão On-line, Tv’s, Portuguese web Television, Portugaise, web TV
tags: lagoa, algarve, turismo, ferias, praia, praias, noite, visitar, monumentos, historicos, locais, visitas